Emílio Carlos busca Selo Pleno do programa ‘Hospital Amigo do Idoso’

Objetivo é incorporar qualidade e eficiência no atendimento dos idosos

Emílio Carlos busca Selo Pleno do programa ‘Hospital Amigo do Idoso’

Foto: RAFAEL BELO - Hospital cumpriu três etapas das quatro necessárias

Da Reportagem Local

No dia 1º de outubro comemora-se o Dia Mundial do Idoso e o Hospital Emílio Carlos (HEC) já iniciou a escolha das ações eletivas e obrigatórias para obtenção do Selo Pleno do programa 'Hospital Amigo do Idoso'.   A iniciativa, criada pelo Governo de São Paulo em 2012, tem quatro etapas: adesão, selo inicial, selo intermediário e selo pleno.

 O HEC assinou o Termo de Adesão e iniciou a busca pelo reconhecimento como Hospital Amigo do Idoso em 2017. Desde então tem desenvolvido ações específicas para obtenção das certificações. Em janeiro de 2019, após cumprir exigências do programa, o hospital foi certificado com o Selo Inicial e, atendendo rigorosamente os requisitos, em novembro do mesmo ano recebeu o Selo Intermediário.   

O objetivo da ação é incorporar qualidade e eficiência no atendimento dos idosos, priorizar os aspectos de segurança e conforto necessários ao bom atendimento da população acima dos 60 anos de idade em hospitais públicos e particulares, garantindo a dignidade ao paciente idoso e seus familiares durante o tratamento.

Dentre as ações propostas pelo programa e implantadas, duas tiveram destaque: a Idosoteca, com atividades lúdicas para pacientes e acompanhantes, e os Circuitos de Simulação Realística, onde os participantes foram convidados a sentir as dificuldades que os idosos apresentam com a diminuição da sensibilidade dos cinco sentidos do corpo humano (visão, audição, paladar, olfato e tato), além da dificuldade de marcha, equilíbrio e acessibilidade. 

“O circuito causou comoção em muitos participantes por sentirem na pele o que acontecia com seus avós e familiares dentro de casa”, contou Bruna Grabriela de Oliveira, coordenadora de Fisioterapia do HEC.   

O QUE FOI FEITO

Foi assegurado ao paciente idoso o direito ao atendimento prioritário; ações de gerenciamento da assistência farmacêutica para monitoramento e intervenção na polifarmácia; instituição do protocolo multiprofissional de prevenção de queda e lesão por pressão em todos os ambientes assistenciais relacionados à atenção ao idoso, adequando campainhas, iluminação, corrimões e banheiros; comunicação e respeito dos direitos e responsabilidades/deveres dos pacientes idosos e acompanhantes por meio de reuniões com os responsáveis; melhoria nas acomodações e alimentação servidas aos acompanhantes, que em sua maioria também são idosos; melhorias nas sinalizações internas e externas; reestruturação dos serviços que contemplam os cuidados no final da vida e participação e certificação de representantes da equipe multiprofissional no curso de Gerontologia, desenvolvido pelo Instituto Paulista de Geriatria José Hermínio de Moraes. 

Outra iniciativa que ganhou luz durante o trabalho é o projeto Amor em Forma de Movimento, em que os pacientes idosos com internação prolongada são levados à área hospitalar externa para passar um tempo com a família, amigos e animais de estimação.

PÓS-PANDEMIA

Com a pandemia da Covid-19, as ações foram paralisadas, mas o Hospital Emílio Carlos e o Comitê Gestor do Selo Hospital Amigo do Idoso retomaram recentemente o processo de escolha das ações eletivas e obrigatórias para obtenção do Selo Pleno, assim como a continuidade das já implantadas.   

“O mais importante é ter em mente que o que importa não é a obtenção dos selos e sim a transformação e melhoria no atendimento ao idoso oferecido pela instituição, que busca ser Amiga do Idoso, colocando-o como protagonista da sua história, praticando o acolhimento e respeitando cada dificuldade apresentada neste momento da vida”, frisa a coordenadora do Serviço de Reabilitação da Fundação Padre Albino, Keity Emiliene Guim.   

 O processo de certificação do Hospital Amigo do Idoso faz parte do planejamento institucional de humanização, agrega valor aos clientes e está alinhado com os objetivos estratégicos corporativos, sendo gerido pela gerência da qualidade.