• Daniele Jammal

PADROEIRO: Dia de São Bento é celebrado neste domingo com missa comemorativa


O santo é conhecido como um exemplo de determinação e fé, por isso, é sempre mencionado quando alguém precisa alcançar graças ou se livrar de qualquer tipo de mal


Myllaynne Lima

Da Reportagem Local


Foto: Divulgação - Padre Jonas Pimentel fala sobre a importância da capela de São Bento em Catanduva


O Dia de São Bento é celebrado neste domingo, dia 11 de julho – mesmo dia em que foi nomeado como padroeiro na Igreja Católica. O santo é conhecido como um exemplo de determinação e fé, por isso, é sempre mencionado quando alguém precisa alcançar graças ou se livrar de qualquer tipo de mal.


“São Bento é um santo muito querido em nossa igreja, todos os santos são importantes, mas São Bento tem um lugar muito especial, porque ele é o fundador da Ordem Beneditina, com essa grande missão juntos aos monges, dedicado a oração, ao trabalho, a convivência fraterna e seguimento de Jesus. São Bento tem um caminho todo especial naquilo que entendemos como intercessão contra as investidas do mal. Jesus no evangelho deixa muitas vezes claro do que as forças do mal existem e que estão aí para nos tirar do caminho. Então São Bento é um dos grandes protetores, é uma oração muito recitada, especialmente para que nenhuma investida do mal possa habitar no coração, na casa, na família”, explicou padre Jonas Pimentel.


O religioso também contou que São Bento é conhecido por ser um grande exemplo de obediência: “Como fundador da Ordem Beneditina, São Bento traz muitas lições para quem é católico, a primeira delas é a lição da obediência. Nas regras de São Bento é muito claro as regras de obediência para os monges e o nosso mundo hoje tem medo de obedecer, muitos querem fazer do seu jeito, da sua forma. A obediência é uma das grandes virtudes de São Bento, sabemos que quem obedece nessa vida, acaba não errando.”


A questão do trabalho, também é um dos grandes lemas de São Bento. “Os monges tinham que tirar o seu sustento, não esperavam que as coisas caíssem do céu, mas que se dedicassem a isso, então São Bento ensinava sobre o trabalho. Além da oração que era constante na vida dos monges, nós sabemos o quanto precisamos da oração. Uma das mais fortes lições, talvez seja a do silêncio, o mosteiro, onde os monges vivem é um lugar de profundo silêncio para o encontro com Deus e no mundo onde as pessoas vivem tão cheia de compromissos, barulhos, até mesmo com poluição auditiva que nós vemos, São Bento é exemplo para nós de profundo silêncio, de recolhimento”, destacou.


Padre Jonas falou ainda sobre a importância da capela de São Bento em Catanduva. “Falando sobre a nossa capela na rua 14 de Abril, ela ainda é mais importante, porque a capela de São Bento é a segunda igreja de Catanduva, ela foi construída por Padre Albino. Existia a Matriz e vendo a necessidade da região do Higienópolis foi fundada a capela São Bento”, completa.


Para celebrar a data, serão realizadas missas às 7 horas e às 18 horas, seguindo todos os protocolos sanitários contra a Covid-19.


SÃO BENTO

É o padroeiro da Europa e dos arquitetos, além de ser comumente evocado para evitar sequestros, assaltos e brigas em família, principalmente provocados em função do alcoolismo. Muitas pessoas também recorrem a São Bento para se livrar do mal, acima de tudo da inveja e do olho gordo.



0 visualização0 comentário