• Daniele Jammal

Padre Osvaldo reinaugura ‘Casa da Música’, fechada por Vinholi em 2014

Sindicância que apura responsabilidades sobre o desmanche segue em andamento

Foto: ARQUIVO - Instrumentos reencontrados vão compor a nova Sala da Música


Guilherme Gandini

Editor-Chefe

O prefeito Padre Osvaldo (PSDB) inaugura a Sala da Música Maestro Daniel Carana na manhã deste sábado, dia 21, a partir das 9h30, na Estação Cultura. O espaço recompõe o acervo da chamada “Casa da Música”, desmantelada em 2014 durante a gestão do ex-prefeito Geraldo Vinholi (PSDB). Na época, o órgão tinha prédio próprio na rua Recife.

O novo espaço será composto por todos os instrumentos musicais da municipalidade, assim como fardas das fanfarras que fizeram história na cidade e outros equipamentos ligados à música.

O desmanche do órgão cultural virou objeto de inquérito civil instaurado pelo Ministério Público, que acabou arquivado no mês passado junto à exigência de que o próprio município apure os fatos por meio de sindicância para definir responsabilidades e correção de condutas.

No processo, a Prefeitura comprovou que a Casa de Música existiu e que a atual administração pretendia restabelecê-la, mas que, por motivos que o próprio Município pretende apurar, foi desmontada em 2014. De acordo com a Secretaria Municipal de Administração, a sindicância que trata do tema continua em andamento.

Ao arquivar o inquérito, a Promotoria de Justiça levou em conta o fato de que não houve indícios de improbidade administrativa, mas mera desorganização, o que fez com que os instrumentos sumissem. Depois, a maioria acabou sendo localizada nas dependências do CAIC.

HOMENAGEM

O catanduvense Daniel Carana, formado em Música, atuou como empresário do setor e orquestrou diversas bandas de Catanduva e região. Ele faleceu em 9 de janeiro de 2021. Na política, ocupou a vereança duas vezes como suplente. Na última candidatura, ficou como segundo suplente pelo PDT.


10 visualizações0 comentário