• Daniele Jammal

Incêndio mata pelo menos 13 pessoas na Filadélfia

Sete das vítimas eram crianças

Foto: REPRODUÇÃO - Bombeiros disseram que a contagem de mortos pode mudar e que a causa do incêndio ainda está sendo investigada


Agência Brasil/Reuters


Pelo menos 13 pessoas, incluindo sete crianças, morreram em um dos piores incêndios vistos na Filadélfia em anos, depois que detectores de fumaça não dispararam em um prédio de apartamentos públicos, informou o Corpo de Bombeiros da Filadélfia.


Os bombeiros chegaram por volta de 6h40 (horário local) e lutaram por cerca de 50 minutos para controlar o incêndio no segundo andar de um edifício de três andares no bairro Fairmount, pertencente à autoridade habitacional da cidade.


Oito pessoas conseguiram escapar do prédio por uma das duas saídas, e sete crianças estavam entre os mortos, disse o primeiro vice-comissário do Corpo de Bombeiros, Craig Murphy, a repórteres em uma entrevista nas proximidades.


As autoridades não informaram a idade das crianças."Mantenham esses bebês em suas orações", disse o prefeito Jim Kenney ao jornalistas.


Os bombeiros disseram que a contagem de mortos pode mudar e que a causa do incêndio ainda está sendo investigada.


Perto dali, caminhões de bombeiros ainda estavam estacionados do lado de fora do prédio de tijolos vermelhos, que ficou com a fachada enegrecida e janelas quebradas e escuras.


"Foi terrível", disse Murphy. "Estou aqui há 35 anos e este é provavelmente um dos piores incêndios em que já estive."


Uma criança e um adulto foram levados por paramédicos para hospitais próximos. Havia quatro detectores de fumaça no edifício, mas eles não foram ativados, disseram os bombeiros.



8 visualizações0 comentário