• Daniele Jammal

Gustavinho é anunciado como técnico da seleção masculina de basquete

Treinador acumulará função com posto no Flamengo, onde é multicampeão

Foto: DIVULGAÇÃO/CBB - Estreia de Gustavinho será em novembro, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2023


Agência Brasil


A Confederação Brasileira de Basquete (CBB) anunciou nesta segunda-feira (20) a contratação de Gustavo de Conti para dirigir a seleção masculina da modalidade. O carioca de 41 anos é o primeiro técnico nascido no Brasil a assumir o time nacional entre os homens após 13 anos (o último foi Lula Ferreira). Ele substitui o croata Aleksandar Petrovic, que esteve no comando da equipe nas quatro temporadas anteriores.


Gustavinho, como ele é conhecido, acumulará o trabalho na seleção com o do Flamengo, onde está há quatro anos. O técnico fez parte da comissão técnica nacional entre 2012 e 2016, como auxiliar, junto do atual treinador da equipe feminina, José Neto.


“É a realização de um sonho e um desafio na minha carreira. Desde que comecei como treinador de basquete, nas categorias de base do Ypiranga e depois no Paulistano [ambos de São Paulo], por quase 24 anos de carreira, trabalhei com esse objetivo. Não será uma trajetória fácil, o basquete mundial é muito equilibrado, mas tenho certeza de que podemos entrar em todas as competições para brigar por coisas boas”, destacou Gustavinho em depoimento ao site da CBB.


O treinador chega à seleção credenciado pelos títulos à frente do Flamengo, onde conquistou duas vezes o Novo Basquete Brasil (NBB) e a Copa Super 8 (que reúne os oito melhores times do primeiro turno do NBB), foi tricampeão carioca e ganhou a mais recente edição da Champions League das Américas (equivalente à Libertadores na modalidade).


Antes, Gustavinho já havia sido campeão paulista e nacional dirigindo o Paulistano. O técnico, inclusive, conquistou os últimos campeonatos do NBB: um pelo Paulistano e dois pelo Flamengo.


“O Gustavo é o grande técnico da geração de treinadores brasileiros e chegou a hora de termos um técnico do nosso país dirigindo a seleção novamente. Os títulos conquistados nos últimos anos falam por si só, mas o respeito dos atletas, de toda a comunidade do basquete e todo o nosso estudo antes de realizar essa escolha nos deixa tranquilos e confiantes que Gustavo fará um grande trabalho”, declarou o presidente da CBB, Guy Peixoto Júnior, ao site da entidade.


A estreia de Gustavinho será em novembro, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2023. Os brasileiros terão pela frente dois jogos com o Chile, nos dias 26 e 27, em locais e horários a serem definidos.


O torneio leva os sete melhores ao Mundial, onde as duas melhores seleções das Américas asseguram vaga direta à Olimpíada de 2024, em Paris (França). O Brasil não se classificou para os Jogos de 2021, em Tóquio (Japão).


Antes, o treinador inicia a disputa da temporada 2021/2022 do NBB pelo Flamengo. A estreia será em 23 de outubro, em horário a ser definido, contra o São Paulo, no ginásio do Morumbi, na capital paulista.


O Rubro-Negro é o atual bicampeão nacional e maior vencedor do torneio, com sete títulos desde a edição 2008/2009, a primeira da história.

1 visualização0 comentário