Vereadores aprovam duas matérias e devolvem projeto sobre concessão de guincho

Plural, sessão teve participação de ator, juiz e secretária de Educação

Vereadores aprovam duas matérias e devolvem projeto sobre concessão de guincho

Foto: CÂMARA DE CATANDUVA - Sessão da Câmara teve seis matérias na ordem do dia na terça-feira

Da Reportagem Local

Os vereadores de Catanduva aprovaram dois projetos de lei durante a 30ª sessão ordinária do ano, realizada na terça-feira, dia 21. Seis proposituras estavam na ordem do dia. Três tiveram votação adiada por 10 dias e uma foi devolvida ao Executivo.

A primeira matéria aprovada, PL 121/2021, da vereadora Taise Braz (PT), autoriza a Prefeitura a promover a "Virada Cultural Catanduvense". O tema foi abordado na tribuna pelo ator Carlinhos Rodrigues, da Cia. da Casa Amarela e explanou sobre a importância cultura.

Foi aprovado na sequência o PL 120/2021, do prefeito Padre Osvaldo (PSDB), que altera legislação para incluir o fornecimento de uma cesta básica aos bolsistas do Programa Emergencial de Desemprego (PED) e aumentar o valor do auxílio.

Já o projeto 80/20, do vereador Marquinhos Ferreira (PT), recebeu mais um pedido de vistas. A norma dispõe sobre a gratuidade de estacionamento em shopping centers, supermercados, lojas de departamentos, galerias, hospitais, funerárias e no caso de agências bancárias.

Também tiveram votação adiada o PL 119/2021 e o PLC 21/2021, ambos de autoria do prefeito. O primeiro autoriza o Executivo a celebrar convênio com o Estado de São Paulo, através da Secretaria de Segurança Pública. Trata-se da renovação de parceria existente.

A votação do projeto de lei complementar foi precedida por apresentação da secretária de Educação, Cláudia Cosmo. A proposta faz alterações na lei municipal nº 185/2001 com a finalidade de atualizar termos e nomenclaturas que, sob vários aspectos, se encontram em desuso e/ou defasadas em relações as leis federais e, até mesmo, às leis municipais.

Fechando a pauta da noite, o PL 118/2021, também do prefeito Padre Osvaldo, foi devolvido ao Executivo. O projeto autoriza o Executivo Municipal a firmar contrato com o Governo Estadual para municipalizar ou outorgar concessão, por licitação, do serviço de remoção e custódia de veículos no município – o popular serviço de guincho.

DESAFIO DE NATAL

Esteve presente na sessão o presidente da Arcos – Associação e Rede de Cooperação Social, Dr. Wagner Ramos de Quadros, que falou sobre a campanha Desafio de Natal que, neste ano, chega à 4ª edição e o valor total arrecadado será distribuído entre 37 organizações sociais.