Vereadora que será empossada em Itajobi diz que buscará alinhamento com o prefeito

Eles fizeram parte de chapas opostas durante a campanha política no ano passado

Vereadora que será empossada em Itajobi diz que buscará alinhamento com o prefeito

Foto: DIVULGAÇÃO - Câmara de Itajobi realizará cerimônia de posse na segunda-feira, às 17h

Guilherme Gandini
Editor-Chefe
Publicado em 18/12/2021

A ex-vereadora de Itajobi, Rosângela Gomes (PSDB), que voltará a ocupar uma cadeira no Legislativo depois da cassação do vereador Luis Roberto Sperandio (MDB), afirmou ao Jornal O Regional que buscará alinhamento com o prefeito Paquinho (PSC). Eles fizeram parte de chapas opostas durante a campanha política no ano passado.

“Em relação ao prefeito Paquinho, que por sinal vem fazendo um bom trabalho, estamos conversando e nos alinhando para juntos conseguirmos mais recursos para Itajobi, juntamente com os deputados que sempre nos ajudaram a trazer melhorias ao município”, declarou.

Rosângela relembrou que ambos são funcionários públicos há cerca de 20 anos. “Melhor do que ninguém nós sabemos o que o nosso município necessita. Fomos oposição na eleição, mas antes disso somos grandes amigos, sempre fomos desde criança. A gente se conhece e hoje estamos aqui para lutar pelo nosso município e a nossa população, que é o nosso dever”, frisou.

Com posse agendada para a segunda-feira, 20, às 17 horas, Rosângela recuperará o cargo após decisão do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), que determinou a cassação de Sperandio e dos diplomas dos suplentes Eloisa Gradela, Kátia Gimenez Galante, Pablo Adalberto Zirondi e Eugenio Luiz Galante, bem como anulados os votos recebidos por todos eles.

A sentença foi proferida em virtude da constatação de fraude à cota de gênero cometida pelo MDB. De acordo com o TRE-SP, ficou comprovado que Kátia Gimenez Galante teve sua candidatura registrada apenas para preenchimento das cotas de gênero exigidas pela legislação eleitoral, já que fez campanha para outro candidato e não obteve nenhum voto.

O reprocessamento dos votos na 1ª Junta da 79ª Zona Eleitoral de Novo Horizonte, presidida pela juíza Marina Miranda Belotti Hasmann, foi finalizado na terça-feira, 14, com a totalização do resultado das Eleições Municipais de Itajobi, que possibilitou a reeleição de Rosângela.

“Foi uma campanha bastante disputada, o trabalho foi árduo, mas gratificante. Veio o dia da eleição e não conseguimos o êxito de chegar onde pretendíamos, junto com a ex-prefeita Kátia, mas nunca deixei de acreditar”, conta Rosângela, citando que seu partido entrou com as provas da fraude contra o MDB. “Aqui estou para cumprir mais uma vez com minha obrigação”.