Prefeitura diz que terceirizada será multada após poda drástica na Praça da República

Objetivo inicial era diminuir copa das árvores para reduzir poleiros de aves

Prefeitura diz que terceirizada será multada após poda drástica na Praça da República

Foto: FERNANDO GALHARDO - Funcionários fizeram poda excessiva em árvores da praça central

Da Reportagem Local

O flagrante de poda drástica em árvores da Praça da República causou indignação nas redes sociais. O serviço foi feito por uma empresa terceirizada contratada pela Prefeitura, a pedido da Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura. O intuito, segundo representantes do setor, seria reduzir a copa das árvores para, consequentemente, diminuir a presença de pombos.

“Inicialmente nós solicitamos a diminuição de copa de algumas árvores com ramificação pra gente diminuir o acúmulo de pombos e outras aves na praça. A gente vai fazer uma poda sistemática para reduzir um pouco os poleiros, o que faz que as aves se acumulem aqui”, declarou Daniela Amaral, chefe da Divisão de Limpeza Urbana.

Em entrevista exclusiva ao Jornal O Regional, a profissional confirmou que a empresa que fez o serviço, de forma incorreta e sem atender a orientação do poder público, será multada e poderá sofrer outras penalidades previstas em contrato – inclusive com a rescisão do mesmo.

“Por um equívoco, fizeram uma poda drástica e a empresa será multada nesses exemplares arbóreos. Nós fizemos a orientação pela manhã, estivemos das 7h30 às 9h30 onde fizemos o levantamento e passamos orientação. Estamos verificando o porquê da poda drástica e as providências vão ser tomadas. O pagamento pela poda não será feito”, afirmou.