PENEIRA FINA – 09/11/2021

Coluna – TERÇA-FEIRA

PENEIRA FINA – 09/11/2021

CONVIDADOS

Lógico que não deixaríamos de comentar os “ecos” da festa do prefeito Padre Osvaldo no sítio do seu vice Claudio Romagnolli, com a presença de muitos amigos e secretários. Todos os vereadores foram convidados e muitos marcaram presença. Do temível “grupo dos 7”, apenas a vereadora Taise Braz (PT) não compareceu. Alan Marçal, Carlos Alexandre – Gordo do Restaurante, Maurício Gouvêa, Luís Pereira, Patrick Camelo Rolim Cesar e Marquinhos Ferreira estavam sorridentes e posaram para várias fotos, tendo um padre mais sorridente ainda.

PRESENTE

O destaque da noite foi o presente que o vereador petista Marquinhos Ferreira entregou ao padre Osvaldo: uma camisa do Palmeiras, time do coração do prefeito, com um significativo detalhe; nas costas, tinha o numeral 45, o mesmo número do PSDB, partido ao qual o padre pertence.

NOVO PARTIDO

E na alegria da festa, os próprios integrantes do “grupo dos 7” brincaram com Marquinhos Ferreira, dizendo que o mesmo seria convidado a integrar as fileiras do partido tucano. Seria isso um motivo para Beth Sahão colocar as “madeixas de molho”?

DO LADO DE CÁ

E alguns integrantes da desintegrada “Tropa Celestial” também marcaram presença na festa: os vereadores Ivan Bernardi, Maurício Ferreira e Ivânia Soldati. O edil Nelson Tozo não compareceu ao evento, em virtude dos compromissos profissionais já firmados anteriormente. Bellê e Gleison Begalli foram os ausentes da turma.

ORÇAMENTO

Hoje tem mais uma sessão da Câmara Municipal, a partir das 17h30. Na Ordem do Dia consta o PL 128/2021 sobre o orçamento do Município de Catanduva para o exercício de 2022, que estima a Receita e fixa a Despesa em R$ 641.000.000,00. O expediente de leitura de correspondências, projetos de resolução, de lei e decretos legislativos, moções, requerimentos, indicações será de 30 minutos.

APOIO À REDUÇÃO

E falando em Orçamento Municipal, o Jornal O Regional trouxe na última edição matéria informando que o grupo Versus, formado por empresários catanduvenses, divulgou manifesto de apoio à redução de R$ 4 milhões no orçamento da Câmara de Catanduva. A proposta foi apresentada pelo presidente do Legislativo, Gleison Begalli (PDT). Segundo integrantes do grupo, “o Versus repudia veementemente a tentativa de elevar gastos do Legislativo e reforça que toda iniciativa que enxugue despesas não prioritárias é fundamental para o desenvolvimento da cidade”.

EXEMPLOS

Com a redução no orçamento do Legislativo, pode surgir a seguinte dúvida: o que poderia ser feito com esse valor? A resposta constou na matéria assinada pelo editor-chefe Guilherme Gandini: pagar 325 mil refeições, com o novo valor, no Restaurante Popular, por pelo menos 4 anos de refeições servidas, ou pagar, em média, 3 meses e meio do contrato de gestão da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

SEM APROVAÇÃO

Rumores surgidos nos corredores do Legislativo dão conta que na sessão de hoje poderá haver a rejeição integral do Orçamento Municipal. Integrantes do “Grupo dos 7” já declararam insatisfação com os números apresentados, principalmente pela redução no orçamento da Câmara. Fazer emenda não pode, pois quem faz o orçamento da Casa de Leis é o presidente, e nem o prefeito pode alterar isso. Trocando em miúdos: aguardem os próximos capítulos...

DIA DO HOMEM

Mais um absurdo nas Câmaras Municipais por esse país. O município turístico de Porto Seguro, no sul da Bahia, passará a celebrar anualmente em 1º de novembro o Dia do Homem. Sancionado pelo prefeito Jânio Natal (PL) em 28 de setembro, o projeto que resultou na lei 1702/2021 é de autoria de Eduardo Tocha, vereador eleito pelo antigo PMB (Partido da Mulher Brasileira e atual Brasil35) e missionário da Igreja Apostólica da Graça. Conforme o texto da lei, a partir de sua sanção, fica autorizada a "utilização de escolas e demais prédios públicos para a realização de palestras, seminários, exposições e eventos correlatos promovidos pelo Executivo Municipal, versando sobre a importância do homem na sociedade".

TODOS OS SANTOS

Para a presidente da comissão de proteção aos direitos das mulheres na seccional baiana da Ordem dos Advogados do Brasil, Renata Deiró, a lei é totalmente descabida, "porque o Dia do Homem, cujos privilégios já são conhecidos, é todos os dias". Coincidência ou não, no dia 1º de novembro é comemorado também o Dia de Todos os Santos.

PERDENDO FORÇAS

Orlando Faria, secretário de Habitação da Prefeitura de São Paulo e um dos principais aliados de Bruno Covas, e Aurélio Nomura, vereador que foi líder de João Doria na Câmara Municipal, decidiram apoiar Eduardo Leite nas prévias presidenciais do PSDB. Eles se encontraram com o governador gaúcho ontem e oficializaram o apoio. E João Doria vai, aos poucos, perdendo forças dentro do partido, cujas prévias acontecem no dia 21.

A FRASE

“A vida é uma sequência de encontros inéditos com o mundo e, portanto, ela não se deixa traduzir em fórmulas de nenhuma espécie.” (Clóvis de Barros Filho, escritor, advogado e jornalista)