Natal registra aumento de 91% em tentativas de fraudes virtuais

Levantamento da ClearSale aponta que houve mais de 23 mil ações fraudulentas

Natal registra aumento de 91% em tentativas de fraudes virtuais

Foto: Tânia Rego / Agência Brasil - Levantamento mostra aumento de golpes no varejo virtual

Da Reportagem Local
Publicado em 06/01/2022

O Natal em 2021 teve aumento de 91,35% no número de fraudes evitadas no e-commerce brasileiro, subindo de 260.733 pedidos potencialmente fraudulentos em 2020 para 498.923 neste ano. Em termos financeiros, foram R$ 468,9 em fraudes evitadas no varejo virtual em 2021, contra R$ 300,7 milhões no ano passado – crescimento de 56,25%.

Os dados são do levantamento da ClearSale, empresa especializada em soluções antifraude nos mais diversos segmentos, como e-commerce, mercado financeiro, vendas diretas e telecomunicações. O período levado em conta no comparativo é o de 1º a 25 de dezembro, e foram analisados somente pedidos pagos com cartão de crédito.

As categorias que geraram maior número de fraudes evitadas neste ano foram: Celular, Eletrônicos, Automotivo, Bebidas e Ferramentas. Em 2020, a lista foi composta por Bebidas, Eletrônicos, Celular, Eletrodomésticos e Ar Condicionado.

Já analisando pelo valor dos produtos, as categorias com maior índice de possíveis ações fraudulentas foram: Eletrônicos, Automotivo, Bebidas, Joias e Informática. No ano passado, o Top5 foi preenchido por Eletrônicos, Bebidas, Informática, Celular e Automotivo.

“Por conta das promoções e ofertas, as datas comemorativas trazem um maior número de consumidores ao e-commerce. Como consequência, temos também uma quantidade elevada de fraudadores buscando brechas para aplicarem seus golpes. Isso explica o aumento exponencial nas tentativas de fraudes”, afirma Omar Jarouche, Diretor de Marketing e Soluções.