Com inadimplência em 18%, SAEC retoma cortes de água suspensos desde o início da pandemia

Atualmente, mais de 10 mil famílias estão com contas em atraso

Com inadimplência em 18%, SAEC retoma cortes de água suspensos desde o início da pandemia

Foto: SAEC CATANDUVA - Equipe de empresa terceirizada retomou cortes de água

Guilherme Gandini
Editor-Chefe

O serviço de corte de água, suspenso desde o início da pandemia do novo coronavírus, foi retomado esta semana pela Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva (SAEC). A decisão, anunciada de forma tímida pela autarquia, exigiu a prorrogação do contrato no valor de R$ 514 mil com a empresa Floripark para realização da supressões e religações nos próximos 12 meses.

Segundo a SAEC, os moradores com débitos pendentes recebem a notificação na tarifa mensal e, além disso, as equipes da terceirizada comparecem pessoalmente no endereço com uma nova notificação, informando que o corte será executado no prazo de 36 horas, caso o pagamento não seja efetuado. Os valores pagos à empresa variam conforme a execução dos serviços.

A pedido do Jornal O Regional, a autarquia informou que a inadimplência hoje está na faixa de 18%. São 10.062 contribuintes com dívidas de água ou taxa de coleta de lixo, em um universo de 53,5 mil imóveis. No histórico, esse índice chegou a atingir 13,8 mil pessoas inadimplentes, em julho, voltando no mês seguinte ao mesmo patamar de devedores do ano passado.

Apesar disso, diante da crise que se abateu sobre as famílias e o impedimento de supressão do fornecimento de água, o número de inadimplentes subiu 50% no comparativo entre 2019 e 2021 – o salto foi de 6.696 para os atuais 10.062.

Questionada sobre o impacto desse cenário em suas contas, a SAEC afirmou que a estimativa de receita foi reduzida de R$ 65 milhões para R$ 60 milhões neste ano, por conta da pandemia, mas que, apesar da redução, nem mesmo a nova meta deverá ser atingida em 2021.

REFIS

Os munícipes que tiverem contas em atraso podem procurar pela SAEC para negociar suas dívidas. Quem possuir débitos até dezembro de 2020 também pode aproveitar os benefícios do Programa de Recuperação Fiscal – o Refis, que oferece desconto de juros e multas. Em caso de dúvidas, o contato com a SAEC pode ser feito pelo telefone 0800-723-0602.