Após vídeo polêmico, humorista Léo Lins acusa Prefeitura de cancelar show

Responsável pelo Teatro Municipal teria cobrado documento faltante nesta sexta-feira, às 17h

Após vídeo polêmico, humorista Léo Lins acusa Prefeitura de cancelar show

Foto: DIVULGAÇÃO - Espetáculo 'Léo Lins - Perturbador' seria realizado no Teatro Municipal

Guilherme Gandini
Editor-Chefe
Publicado em 03/12/2021

O humorista Léo Lins, que tem show marcado para o Teatro Municipal Aniz Pachá neste domingo, dia 5, divulgou vídeo nas redes sociais acusando a Prefeitura de Catanduva de cancelar o espetáculo. Segundo o artista, em e-mail enviado à sua produção no final da tarde desta sexta-feira, dia 3, teria sido cobrado mais um documento, que não estava previsto.

O vídeo reproduz imagens de e-mails trocados entre o produtor Sueber de Mello e a chefe de Divisão do Teatro Municipal, Eliana de Oliveira Rosa, que mostram que a apresentação estava autorizada. Na conversa ocorrida na mesma data, dia 3, é possível ver diálogo sobre número de cortesias que seriam disponibilizadas para a Secretaria Municipal de Cultura.

“O show até hoje, temos as conversas com a responsável pelo teatro, estava tudo certo. Aí agora, quase cinco horas da tarde, inventaram que falta pagar um documento x aí. Pessoal falava que estava tudo certo, mas agora tem um imposto que inventaram na hora”, criticou.

No ofício encaminhado ao final do dia, Eliana Rosa informa ao responsável pela Aviva Produções que “em virtude de falta de documentação (termo de compromisso), o evento de vossa senhoria segue cancelado”. Diz, ainda, que devolverá taxa já paga. “Em relação à taxa recolhida, pedimos que nos envie conta para depósito”.

“Sexta-feira, quase cinco da tarde, foi uma boa jogada eim, Prefeitura? Eu confesso que essa foi uma boa jogada, esperar cinco da tarde, e agora pararam de nos atender, não respondem mais mensagem. Mas o show vai acontecer e, olha, espero que esteja bem aí na cidade, porque agora eu vou revirar todos os podres para fazer piada”, ironizou.

POLÊMICA

Um dia antes de ter seu espetáculo cancelado pela Prefeitura, Léo Lins veiculou vídeo nas redes sociais lançando a sua “campanha para prefeito de Catanduva”. Ao longo de quase cinco minutos, o humorista fez ácidas críticas a diversos pontos da cidade, ao Imes/Fafica, ao prefeito Padre Osvaldo, além de alguns fatos ocorridos nas últimas semanas.

Léo Lins é humorista, faz parte da equipe do programa The Noite, do SBT, do apresentador e humorista Danilo Gentili, e tem vasta história no stand-up no país. Em suas redes sociais, ele reúne mais de 3 milhões de seguidores. No canal do artista no YouTube, o vídeo sobre Catanduva já teve mais de 25 mil visualizações.

RESPOSTAS

A reportagem do Jornal O Regional recebeu a informação extraoficial sobre o possível cancelamento do show de Léo Lins na manhã de sexta-feira. A Assessoria de Comunicação da Prefeitura foi questionada, mas nenhuma manifestação foi feita ao longo de todo o dia.

No início da noite, depois que Léo Lins já havia veiculado o novo vídeo, a Secretaria de Negócios Jurídicos respondeu em nota que “a cessão do Teatro Municipal Aniz Pachá não ocorreu devido à pendência de entrega do Termo de Ciência e Responsabilidade. O documento deveria ter sido preenchido e entregue junto ao departamento administrativo do espaço”. Contatado, o produtor Sueber de Mello informou que buscaria outro local para a apresentação.