Após denúncia, Prefeitura diz que quer ampliar rede de atendimento do cartão alimentação

Servidores reclamam da exclusão frequente de estabelecimentos da bandeira BK

Após denúncia, Prefeitura diz que quer ampliar rede de atendimento do cartão alimentação

Foto: Divulgação - Secretário de Administração afirma que 36 estabelecimentos aceitam o cartão

Guilherme Gandini
Editor-Chefe

A Prefeitura de Catanduva manifestou-se após denúncia veiculada pelo Jornal O Regional referente à insegurança dos servidores municipais quanto ao uso do cartão alimentação. Pelos relatos, é frequente a exclusão de estabelecimentos que atendem a bandeira BK Bank.

Segundo a administração municipal, entretanto, tratativas estão em andamento junto ao prestador de serviço com a intenção de ampliar e fortalecer a rede de atendimento.

“Existem hoje 36 estabelecimentos comerciais que aceitam o cartão alimentação dos servidores, dentre eles os supermercados Antunes, Proença, Moreschi, Bugança, Muffato e Tonin”, comentou o secretário municipal de Administração, Richard Casal.

Segundo ele, a empresa responsável é a BK Bank, que venceu a licitação realizada em novembro de 2020, na gestão anterior. O contrato tem validade de 12 meses e só poder ser reincidido antes do prazo, caso menos de 15 estabelecimentos passem a aceitar o cartão alimentação.

Sobre o tema, Casal lembra que várias ações foram feitas este ano em benefício dos 2.400 servidores municipais e seus familiares, tais como o pagamento da diferença do cartão alimentação e a quitação da antiga dívida do dissídio.

TIRA DÚVIDAS

Caso o servidor sinta a necessidade de obter mais informações ou reclamar sobre as empresas credenciadas no cartão alimentação, basta ligar na Ouvidoria do município – 0800-772-9152 ou enviar mensagem pelo whatsapp da BK Bank: (16) 99375-7412.