Meta de entrega de vacinas para Covax em 2021 é reduzida

Países doadores devem entregar 1,42 bilhão de doses

Meta de entrega de vacinas para Covax em 2021 é reduzida

Foto: REUTERS - Segundo a Gavi, entre as razões do corte estão restrições de exportação do Instituto Serum da Índia

Agência Brasil

O esquema de compartilhamento de vacinas Covax - mecanismo internacional criado para garantir acesso global a vacinas contra a covid-19 - deve receber 1,425 bilhão de doses de imunizantes de países doadores neste ano, menos do que os 2 bilhões estimados em julho, informou a Aliança de Vacinas Gavi nesta quarta-feira (8).

Entre as razões do corte estão restrições de exportação do Instituto Serum da Índia (SII), um fornecedor essencial, disse a Gavi em comunicado conjunto com a Coalizão de Inovações para a Prontidão Epidêmica (Cepi), a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo de Emergência Internacional das Nações Unidas (Unicef).

Problemas de fabricação da Johnson & Johnson e da AstraZeneca, assim como atrasos na análise regulatória de vacinas desenvolvidas pela empresa de biotecnologia norte-americana Novavax e pela chinesa Clover Biopharmaceuticals, são outros fatores limitantes, disseram as organizações.