Coletivo Dell’arte abre nova turma para Oficina de Elaboração de Projetos Culturais

Atividade será presencial, seguindo os protocolos sanitário, no dia 1º de agosto

Coletivo Dell’arte abre nova turma para Oficina de Elaboração de Projetos Culturais

Foto: Divulgação - Facilitadora da Oficina, Cris Anovazzi atua há 14 anos em coletivos de várias vertentes artísticas

Da Reportagem Local

O Coletivo Artístico Dell’arte está com inscrições abertas para a oficina de Elaboração de Projetos Culturais – Turma B. A atividade gratuita teve a primeira turma preenchida nas primeiras horas de inscrição, na manhã de sexta-feira (23).

"A procura foi intensa e as vagas se esgotaram rapidamente, recebemos muitas mensagens e decidimos abrir uma nova turma para atender o máximo de interessados possível", explica, Rafael Back, líder do Coletivo Dell’arte.

A aula abordará os fundamentos básicos para a formatação de projetos culturais para editais públicos e privados, além de compartilhar técnicas para a criação e elaboração dos projetos.

"Vamos apresentar como montar uma proposta clara e objetiva, com demonstração de exemplos e exercícios práticos', explica Cris Anovazzi, facilitadora da oficina.

A atividade será presencial seguindo todos os protocolos sanitários, no próximo domingo, dia 1º de agosto, das 15h às 18h, no Teatro Comunitário Dell’arte, localizado na rua Ceres, nº 80, no Nosso Teto. Haverá certificado de participação.

As vagas são limitadas e as inscrições seguem até 30 de julho ou até preencherem as vagas e podem ser feitas pelo link https://forms.gle/DZMt2f7F9NQwSrfu6, disponível nas mídias sociais @dellartecatanduva e www.facebook.com/dellartecatanduva.

QUEM É

Cris Anovazzi, 38 anos, formada em Publicidade pela Universidade Mackenzie, pós-graduada em Gestão de Projetos Culturais pela USP, Diretora de Produção, formada pelo Ciclo de Formação Gestão Cultural para tempos de crise da Escola de Políticas Culturais – EPCult, atua há 14 anos em coletivos de várias vertentes artísticas e na produção de festivais de artes em Catanduva e região, nas esferas pública e privada.

Tem inúmeros projetos aprovados por leis de incentivo da Secretaria Especial de Cultura e Programa de Ação Cultural do Governo do Estado, além de integrar bancas de seleção de projetos artísticos de Catanduva e região.

De 2017 a 2020, atuou como secretária de Cultura de Catanduva, sendo responsável pela implantação do Edital de Incentivo Às Artes e pela implementação e execução da Lei Aldir Blanc no município.