< Back

Prateleira Solidária faz oficina para ajudar quem precisa de emprego

Objetivo é conectar trabalhadores e empresas que têm vagas disponíveis


Image-empty-state_edited_edited_edited.p

Foto: Prateleira Solidária - Projeto também disponibiliza atendimento com psicólogos

Myllaynne Lima
Da Reportagem Local

Para auxiliar os atendidos a ingressarem no mercado de trabalho, o projeto Prateleira Solidária realiza a ‘Oficina de Emprego’. A ideia da oficina é conectar pessoas que querem e precisam trabalhar às empresas que têm vagas disponíveis.

“Uma equipe de voluntários recebe ou faz os currículos dos representantes das famílias assistidas, ou de quem mora com eles que pode trabalhar. Com os currículos em nossas mãos, vamos em busca de vagas disponíveis nas cidades, pedimos a algumas empresas que nos disponibilizem vagas para a inserção dessas pessoas no mercado de trabalho", explica Andressa Oliveira, idealizadora e fundadora do Prateleira Solidária.

Segundo ela, para que as oportunidades sejam aproveitadas, "vamos visualizando os currículos deles para auxilia-los desta forma. Normalmente uma ou duas pessoas por semana consegue uma vaga, após um período de experiência e trabalho essa pessoa ou a família se desliga do projeto e da oportunidade a outras famílias que precisam”.

Além do apoio na inserção do mercado de trabalho, o projeto Prateleira Solidária também disponibiliza atendimento com psicólogos.

“Temos o setor de Psicologia, alguns psicólogos e estudantes de Psicologia, em parceria com o Imes, dão toda a assistência psicológica que as famílias precisam. Terapias, conversas, apoio, orientações, tudo que uma pessoa precisa para conversar e se aliviar", frisa Andressa.

E complementa que "os psicólogos recebem essas famílias e dão orientações a eles, de como ir em busca de novos ou primeiros empregos, como se portar, o que falar, como se vestir, sempre sugestões e o setor de empregos vai, recebe os currículos e já encaixa nas vagas disponíveis daquela semana. É um bate papo bem legal, cheio de história e experiências motivadores”.

A oficina é realizada aos sábados de manhã, na sede do projeto. São turmas de até dez adultos, em idade de trabalho. Cada participante recebe um certificado que podem apresentar nas empresas, como um diferencial para o currículo.

O Prateleira Solidária também possui o setor da Educação Infantil, com as pedagogas responsáveis pela ONG, todas as crianças cadastradas em idade escolar fazem reforço e aulas de redação. “Nosso espaço é muito simples, mas cheio de amor e com muito potencial para dar oportunidades a rodas as famílias e pessoas que passam por lá”, completa Andressa.

Aproximadamente 200 famílias em situação de vulnerabilidade são atendidas pelo projeto. São arrecadados alimentos, produtos de higiene pessoal, produtos de limpeza e roupas. Os interessados em contribuir com o projeto podem entrar em contato pelo telefone (17)99103-1925. A sede fica localizada na Rua Guarujá, 947.