< Back

Paciente reclama de regras do vale-legumes e acaba barrada no Gasa

Presidente da entidade confirmou decisão, mas enalteceu auxílio oferecido pela ONG

Image-empty-state_edited_edited_edited.p

Foto: O REGIONAL - Gasa mantém grupos de terapia ocupacional para pessoas cadastradas

Guilherme Gandini
Editor-Chefe
Publicado em 14/11/2021

Uma paciente atendida pelo Gasa – Grupo de Apoio e Solidariedade ao Paciente com Aids de Catanduva acabou sendo barrada pela instituição depois de criticar as regras para uso do vale-legumes. Ela teria se manifestado de forma acintosa no varejão que mantém parceria com a entidade e reclamado dos valores dos produtos no local. Ela frequentava a ONG há 20 anos.

Em entrevista ao Jornal O Regional, Sheila Souza disse reivindicar que os pacientes possam retirar os produtos em outros pontos comerciais. “Não posso mais entrar lá no Gasa, a Guarda Municipal estava lá na frente. Eu e meu companheiro fomos acompanhados por quarteirões. Gostaria que eles tivessem mais amor e entendessem que nós somos pobres”, lamentou.

Ela também reclama do tamanho da cesta básica oferecida pela entidade e de não receber qualquer pagamento pelos artesanatos produzidos na terapia ocupacional. Para a reclamante, a entidade deveria destinar aos pacientes parte dos recursos obtidos com a venda.

Questionada pela reportagem, a presidente do Gasa, Gisela Silva Bucchianeri, confirmou o afastamento da paciente e disse que o estabelecimento comercial parceiro chegou a suspender o benefício aos demais. A gestora afirmou que Sheila tentou comprar produtos que não fazem parte do auxílio e que as oficinas de artesanato têm fins terapêuticos – e não financeiros.

Segundo Gisela, os três grupos de trabalho mantidos pela entidade reuniam de 50 a 70 pacientes por semana até a pandemia. Quem participa de todos os encontros tem direito aos benefícios, oferecidos por empresas parceiras. “Todo nosso trabalho é voluntário. A ONG Gasa não recebe nenhum auxílio público, tudo é mantido com doações e com a venda dos produtos”, frisou.