< Back

EMPREENDEDORISMO:
Abertura de empresas aumenta em junho
e cresce 337% em um ano em Catanduva

Foram abertos 162 novos negócios em junho deste ano na cidade

Image-empty-state_edited_edited_edited.p

Foto: Divulgação - Cenário verificado em Catanduva também é visto em pesquisa recente do Sebrae

Guilherme Gandini
Editor-Chefe

O número de empresas abertas em Catanduva está crescendo em ritmo acelerado. De acordo com números da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), foram registradas 162 aberturas em junho, sendo seis de pequeno porte, uma normal e 154 microempresas. O número é 50% maior que o mês anterior e 337% superior a junho do ano passado.

Segundo o levantamento, em maio deste ano foram 108 aberturas: duas normais, três de pequeno porte e 103 microempresas. Já em junho do ano passado, foram abertas apenas 37 empresas na cidade, sendo duas normais, três pequenas e 32 micro. Um mês antes, maio de 2020, os números foram ainda piores, com 35 empresas abertas, no total.

O cenário verificado em Catanduva também é visto em pesquisa recente do Sebrae, que indicou que de janeiro a abril deste ano, um milhão de pequenas e micro empresas foram criadas no Brasil, perfazendo 25% do total de empresas abertas em 2020. Acompanhando o índice brasileiro, em São Paulo foram 24.585 novos negócios somente em maio deste ano.

Para a mentora em finanças, Silvia Machado, o índice poderia ser ainda maior se não fosse a insegurança de muitos na hora de abrir o próprio negócio.

Ela lista cinco motivos que ocasionam essa hesitação em quem quer se tornar um empreendedor e traz orientações para driblar essa incerteza: a solidão do empreendedor ao tomar decisões, falta de conhecimento, dificuldade para entender o produto, o cliente, os canais de venda, a crença de que será preciso ter alto volume financeiro e as dúvidas sobre o modelo de negócio.

Silvia orienta pesquisar sobre o modelo de negócio a ser implantado e realizar capacitações para estar preparado para o mercado. “Eu sempre digo: pense grande e comece pequeno”, frisa.