Catanduva, quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Peneira Fina

peneira 30/11/2016

peneira 30/11/2016

publicado em 30/11/2016 às 07:45

imprimir

Está ficando bonito
O Lago dos Ipês está ficando bonito e tem grande chance de se tornar um novo cartão postal para a cidade. A obra que andou em ritmo lento, agora começa a ganhar forma com os últimos detalhes. Certamente que o prefeito Geraldo Antonio Vinholi (PSDB) vai querer inaugurar antes de deixar o cargo máximo do Poder Executivo. “Estamos nos detalhes finais para entregar o Lago, uma obra que apesar de não ter sido entregue, já vem contribuindo há tempos na contenção das águas da chuva, evitando possíveis enchentes. Além dessa grande importância do Lago ele também contribuirá para melhorar a umidade relativa do ar e será um ponto excelente de lazer e práticas esportivas”, publicou nas redes sociais.
“Tragédia anunciada”
O vereador Enfermeiro Ari (PEN) disse que crianças e adolescentes estariam indo nadar no lago e por isso considera que da forma como está o lago é uma tragédia anunciada. “Não sei de quem é a responsabilidade de fiscalizar o local, sei que não dá mais é pra aquelas crianças ficarem nadando naquele lugar onde o rio é profundo depois do alagamento e tem correnteza. É morte anunciada. Por isso quero pedir ao Poder Público que tome as providências”. Amarildo Davoli (PSB) afirmou que o mesmo problema estaria acontecendo na lagoa da Vila Engrácia.
Minuto de silêncio
A Câmara de Vereadores realizou minuto de silêncio na sessão de ontem, dia 29, pela tragédia na Colômbia onde morreram mais de 70 pessoas, dentre as quais praticamente todos os integrantes do time da Chapecoense. A tragédia chocou a todos na manhã de ontem e não foi diferente no legislativo.
Acesso
O vereador Daniel Palmeira de Lima (PR) informou na sessão de ontem que a diplomação dos eleitos será realizada no dia 16 de dezembro, às 9 horas, conforme noticiado com exclusividade por O Regional. Palmeira também explicou que a diplomação será na Câmara para garantir a acessibilidade e lembrou-se do vereador eleito Ditinho Muleta (DEM) que é deficiente físico.
Posse
Se por um lado a escolha do local para a diplomação parece ter sido simples, por outro o palco da solenidade de posse parece estar dando um pouco mais de dor de cabeço para os vereadores. Palmeira contou aos colegas ontem que estava receoso em gastar dinheiro público no evento e teria ficado mais preocupado ainda depois de ouvir opinião de auditora do Tribunal de Contas do Estado (TCE).
Na Câmara
Palmeira contou que ocorreu uma auditoria na Câmara na manhã de ontem e que teria aproveitado a oportunidade para indagar sobre o tema. Segundo Palmeira, a resposta teria sido no sentido de que cabe ao presidente decidir se gasta ou não, mas teriam deixado um recado: “se fosse eu não faria porque o senhor vai ter problema”. 
Sugestões
O vereador Luís Pereira (PSDB) sugeriu que a cerimônia seja realizada na Estação Cultura. O presidente Daniel Palmeira gostou da ideia assim como Cidimar Roberto Porto (PMDB). Nilton Cândido (PSB) também sugeriu o salão da Polícia Militar. “Nós temos que resolver isso essa semana sem falta”, concluiu Palmeira.
Ratear
Cândido sugeriu que os eleitos dividam os custos do evento e Palmeira fez as contas. Porto discordou da ideia dizendo que “se for para ratear sugiro a praça pública”. Outra sugestão de Porto é a utilização de som e pessoal da prefeitura.
Emendas 1
O vereador Wilson Paraná (PT) é o recordista na propositura de emendas ao orçamento de 2017. Do total de 21 emendas apresentadas, 14 são dele. Todas pedem subvenções para entidades assistenciais como Associação Pão Nosso, Casa de Recuperação Recomeçar, Associação Solidária aos Animais, Dellarte, Lar da Criança Lola Zancaner, Comunidade Terapêutica Lírio dos Vales, Associação Mais do Que um Sonho, Avoiam, Cáritas Diocesana, Educandário São José, Paraná Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV, Gasa, Programa Cidadão do Futuro e inclusive Fundação Padre Albino para quem destina o maior valor: R$ 1 milhão.
Emendas 2
Outro vereador a apresentar emenda de valor alto foi o tucano Luís Pereira. O líder do partido do prefeito Geraldo Vinholi na Câmara pede que a prefeitura destine R$ 5 milhões no próximo ano para obras de infraestrutura como rede esgoto, guias e asfalto no bairro Morada dos Executivos.
Emendas 3
Completam a lista de emendas os vereadores Amarildo Davoli (PSB), José Alfredo Luiz Jorge (PMDB), Daniel Palmeira e Marcos Crippa (PTB). Davoli apresentou três emendas também com pedidos de subvenção: Comunidade Terapêutica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Associação Espírita O Semeador e Lar Espirita Mensageiros do Amor. Crippa propôs emenda também para a Associação Mais Que Um Sonho e José Alfredo pede subvenção de R$ 500 mil para o Núcleo Educacional Joanna de Ângelis. A emenda de Palmeira pede a adequação da peça orçamentária para atendimento das emendas.

veja também

0 Comentário(s) + Escrever Comentário

NINGUÉM COMENTOU AINDA

acompanhe O REGIONAL

edição digital