Catanduva, quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Esportes

Diretoria do Catanduvense Estuda Possibilidade de Criar Futebol Feminino

Presidente também faz planejamento para as categorias de base

publicado em 27/11/2016 às 07:45

imprimir

PRESIDENTE afirma projeto ousado para 2017

PRESIDENTE afirma projeto ousado para 2017

Da Reportagem Local

A diretoria do Grêmio Catanduvense está estudando a possibilidade criar o futebol feminino para o ano que vem. O anúncio do projeto foi confirmado durante a coletiva de imprensa na apresentação do novo treinador Sérgio Santos para a equipe profissional do Paulista A3. 
De acordo com o presidente do Bruxo, Reginaldo Marcelo Borges, o Alemão, o projeto para 2017 é considerado “ousado” pela diretoria, além de ter em vista a criação da primeira equipe de futebol feminino do Catanduvense. 
“Todos conhecem a situação do clube atualmente. É uma idéia que queremos tirar do papel. O projeto ainda está sendo analisado por membros da diretoria do clube. 
Queremos muito montar a equipe de futebol feminino do Grêmio Catanduvense que será a primeira do clube. Esperamos que tudo dê certo e nosso projeto siga em frente”, disse Alemão. 
O novo treinador Sérgio Santos também comentou sobre o projeto e revelou um dos nomes que irão ajudar na iniciativa, como de Alonso, que faz parte da sua comissão técnica. 
“Quando confirmei minha vinda falaram sobre esse projeto em montar o futebol feminino. É um projeto que ainda está sendo estudado mais tem tudo para dar certo e vai ser interessante para as meninas da cidade que gostam de futebol. Estou trazendo o Alonso, que vai está ajudando tanto no futebol masculino, na base nesse projeto do feminino”, explicou o treinador. 
Além disso, Alemão ainda comentou sobre o planejamento para 2017 que envolve as categorias de base. Neste ano, três jogadores se destacaram nas competições como o goleiro Daniel, o lateral Léo e o zagueiro Luciano. 
“Nesse projeto junto do planejamento que estamos montando queremos dar mais atenção à base do Grêmio Catanduvense do Sub-11, 13, 15, 17. Faz tempo que planejamos algo para a base e não conseguimos colocar em prática. Com ajudar dos nossos companheiros de Catanduva e do técnico que está chegando vamos colocar em pratica todos esses trabalhos”, finalizou.

0 Comentário(s) + Escrever Comentário

NINGUÉM COMENTOU AINDA

acompanhe O REGIONAL

edição digital